domingo, 19 de abril de 2009

Ter 19 anos

A primeira vez em q me senti velha foi qdo recebi parabéns pelos meus 19 anos.

Isso passa: o aniversário de 50 comemorei com um festão, junto com uma amiga q nasceu na mesma semana q eu. Fizemos a "festa dos 100 anos", com pista de dança, mto rock, show de mágica e carrinhos de sorvete, pipoca e cachorro-quente espalhados pelo jardim.

Até os 18, cada aniversário traz um brinde. É uma delícia: de repente, apenas por se ter passado mais um ano, a gente pode passar a fazer algo q antes não era permitido. Aos 18, a gente pode assistir a qq filme, além de 'dirigir'. É o máximo virar adulto de repente.

Mas, ao completar 19, pela primeira vez constatamos, com desalento, q gastamos um ano inteirinho e não ganhamos nenhum privilégio em troca. Eu tinha acabado de entrar na faculdade de Física-USP, mas não precisaria ter 19 pra isso..... E já namorava o cara com quem sou casada até hj, mas poderia ter continuado com 18 e ele não iria me achar 'criança'. Nunca mais, nas décadas seguintes, me senti tão velha qto aos 19.

Um comentário:

  1. Linkadíssima! Pra mim, é um grande prazeR.Muito Sucesso, LIZ!!

    ResponderExcluir